Compartilhe essa Notícia:

 

Distribuição do sexto lote de doses da vacina CoronaVac (Foto: Márcio Sampaio)

O Governo do Maranhão finalizou nesta terça-feira (16) a distribuição do sexto lote de doses da vacina CoronaVac às 18 Regionais de Saúde do estado. Para agilizar o envio, sobretudo às cidades mais distantes, o transporte contou com o apoio de dois helicópteros do Centro Tático Aéreo (CTA), da Polícia Militar do Maranhão (PMMA). As vacinas do lote que chegou na última semana são para a imunização de idosos de 75 a 84 anos e trabalhadores da saúde.

A distribuição da primeira dose do sexto lote da CoronaVac teve início ainda na quinta-feira (11) aos municípios da Região Metropolitana. Na segunda-feira (15), uma aeronave levou as vacinas às Regionais de Imperatriz, Açailândia e Balsas e, nesta terça (16), os imunizantes foram entregues às demais Regiões de Saúde. Além das aeronaves, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), responsável pela distribuição das vacinas, conta com o auxílio de vans refrigeradas, que fazem o transporte das regionais aos municípios, caso estes não tenham condições de fazer o deslocamento.

“Esta entrega é referente também à segunda dose da remessa enviada ao Maranhão no final do mês de fevereiro, além da primeira dose da remessa recebida do Ministério da Saúde na última semana. Estamos aproveitando o transporte para enviar essas duas remessas, para que os municípios possam agilizar a vacinação”, explica a superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças da SES, Tayara Pereira.

Os helicópteros levam as vacinas aos municípios de Pedreiras, Presidente Dutra, Santa Inês, Bacabal, Codó, Barra do Corda, Colinas, São João dos Patos, Pinheiro, Zé Doca, Alcântara, Mirinzal, Cururupu, Turiaçu e Carutapera. Por terra, as vans refrigeradas da SES têm como destino as regionais de Itapecuru, Rosário, Chapadinha e Viana.

Segundo a técnica da Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos do Maranhão (CEADI-MA), Eline Ribeiro, a logística permite maior agilidade. “Depois de embarcadas para as regionais de saúde, as caixas com doses da vacina são distribuídas para cada município. Com isso, ganhamos tanto em tempo como em serviço prestado”, destacou.
Superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças da SES, Tayara Pereira, falou da importância de agilizar a vacinação (Foto: Márcio Sampaio)
O tenente-coronel Alcimário de Jesus, piloto de um dos helicópteros do CTA, disse ser gratificante fazer parte deste momento histórico. “Mesmo com as outras atribuições, levar a vacina às pessoas que estão distantes dos grandes centros urbanos é muito gratificante. Assim, podemos levar esperança a quem mais necessita”, compartilhou.

Números

Neste último lote, o Maranhão recebeu do Ministério da Saúde 66.800 novas doses da CoronaVac. O envio da primeira dose dessa remessa recebida na última quarta-feira (10) esteve condicionado ao Decreto nº 36.531, de 4 de março, que estipulava a cobertura vacinal de 60% por parte dos municípios para recebimento de novas doses. Deste modo, as 217 cidades maranhenses receberão as vacinas.

Conforme o novo Decreto nº 36.531, o envio das próximas doses que chegarem ao estado está condicionado à cobertura vacinal de 70% da aplicação das doses já distribuídas. Com a última remessa, o estado soma 514.840 doses recebidas, sendo 98 mil da AstraZeneca e 416.840 da CoronaVac.

Comentários do Blogger

0 Comentários