Compartilhe essa Notícia:

 

Governador Flávio Dino recepcionou os residentes em cerimônia virtual (Foto: Karlos Geromy)
Uma cerimônia virtual de boas-vindas realizada na manhã desta segunda-feira (1º) marcou a recepção dos profissionais da área de saúde da nova turma dos Programas de Residência Médica e Multiprofissional da Secretaria de Estado da Saúde (SES). O governador Flávio Dino conduziu o evento de abertura do ano letivo 2021, que teve presenças de gestores da saúde, professores da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e residentes.

Em sua fala de acolhimento aos residentes, Flávio Dino pontuou investimentos que a gestão promove na saúde, destacou a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) e parabenizou os novos residentes. “O programa tem uma importância em si mesmo e vai continuar após o vendaval que atravessamos. Contudo, sua relevância fica mais sublinhada nesta hora mais difícil”, enfatizou.

O governador destacou a expansão na rede de saúde. “Com o que tem sido feito, temos a maior rede de saúde pública [da história] do Maranhão. Abrimos hospitais regionais e macrorregionais em vários cidades maranhenses e ampliamos o sistema em muitas outras. Muitos serviços criados nestes anos em que temos a honra de administrar o Maranhão. E para isso, precisamos de profissionais aptos a realizar estes serviços”, frisou Flávio Dino.

Encerrando a participação, o governador agradeceu aos novos residentes. “Que as senhoras e os senhores sejam bem-vindos e obrigado por terem nos escolhido nesse momento importante de suas formações profissionais. Ficamos muito felizes em incorporá-los ao nosso programa e espero que aqui permaneçam nos ajudando”, concluiu.

O Programa de Residência Médica e Multiprofissional oferecido no Maranhão tem como objetivo aprimorar as competências técnico-assistenciais de profissionais graduados em áreas de atuação como medicina, enfermagem, psicologia, farmácia, serviço social, nutrição, fisioterapia e odontologia. Desde a implantação dos programas, em 2015, já foram capacitados mais de 200 profissionais. Para 2021, foram ofertadas 55 vagas, destas, 24 para residência multiprofissional e 31 para residência médica.

O evento contou com apresentação de vídeo com resumos dos resultados obtidos pelos programas de residência. Além de Aula Magna ministrada pela professora doutora Maria Teresa Seabra, que tratou do tema ‘As residências em saúde como estratégia de fortalecimento da rede atenção à saúde’. Seabra é professora titular da UEMA e médica do Governo do Maranhão.

Representando a nova turma de residentes, Francisco Casarim Junior agradeceu o convite e desejou êxito a todos os colegas. “Vim de Santa Catarina e estou muito feliz em estar aqui no Maranhão. Tenho convicção e muita expectativa no programa de residência maranhense e sei que é um programa de altíssima qualidade. Espero concretizarmos todos os nosso sonhos”, disse.

A diretora da Escola de Saúde Pública do Maranhão, Ana Lúcia destacou que a ampliação da residência médica no Maranhão tem sido insistente e bem trabalhosa, desde o início da gestão do governador Flávio Dino. “Isso para podermos qualificar a atenção à saúde, em todos os setores. Desejo aos que escolheram a residência médica no Maranhão, boas-vindas. Vocês estão conosco para aprender e apoiar nossos profissionais no fortalecimento da assistência. O SUS precisa de vocês”, enfatizou.

O Governo do Estado implantou hospitais em Balsas, Pinheiro, Viana, Bacabal, Santa Luzia do Paruá, Lago da Pedra, Chapadinha, Caxias; ampliou unidades em Timon, Barreirinhas e outros, com implantação de Unidades de Terapia Intensiva (UTI); aprovou duas residências médicas em Imperatriz e há perspectivas para Presidente Dutra, Pinheiro, Santa Inês e São Luís, entre outras realizações.

Participaram ainda da solenidade, o secretário de Estado de Saúde (SES), Carlos Lula; o secretário de Estado de Politicas Públicas, Marcos Pacheco; o presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), Marcos Grande; reitores da UEMA, Gustavo Costa, e da UEMASUL, Elizabeth Fernandes, entre outras autoridades.

Comentários do Blogger

0 Comentários