Compartilhe essa Notícia:


Por volta da 7h10 deste sábado (3), o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) declarou como encerrada a operação de localização e socorro das vítimas do acidente ocorrido no supermercado Mateus da Curva do 90, em São Luís.

Após mais de 11 horas de trabalho intenso, a corporação encerrou as buscas. Em nota divulgada no início deste sábado, o CBMMA já havia confirmado uma vítima fatal e o atendimento a oito pessoas com ferimentos leves, como explicou o coronel Célio Roberto, comandante do CBBMA. 

“Foram atendidas nove vítimas, infelizmente uma veio a óbito, as outras oito vítimas foram transportadas para hospitais aqui da cidade. Fizemos um trabalho intenso, busca minuciosa durante toda a noite, mas, graças a Deus, não encontramos mais nenhuma vítima”, relata o comandante. 

Às 20h15 da sexta-feira (2), o Corpo de Bombeiros foi acionado para atuar na ocorrência no supermercado, onde cinco prateleiras do local caíram com todos os produtos enquanto havia pessoas no local. 

O CBMMA planejou e executou a operação envolvendo 14 viaturas dos bombeiros, além de ambulâncias e viaturas de outros órgãos, 144 bombeiros militares e 131 bombeiros civis. A ação de salvamento das vítimas contou com equipes da Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Saúde, SAMU e Gabinete Militar do Poder Executivo.

Atendimento aos feridos

Também em nota, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou que, das oito pessoas feridas, três foram assistidas pela equipe multiprofissional da UPA do Vinhais, com escoriações e ferimentos leves. Após atendimento e apresentando quadro clínico estável, os pacientes receberam alta médica ainda nesta madrugada. 

Em postagem nas redes sociais, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, comunicou à população os procedimentos adotados pela SES para garantir a integridade das oito vítimas salvas com vida. 

“Colocamos à disposição as UPAs, Hospitais de Traumatologia e Ortopedia, Hospital de Cuidados Intensivos e o Hospital Dr. Carlos Macieira, bem como quatro ambulâncias para somar aos veículos do SAMU”, detalhou o secretário.

Comentários do Blogger

0 Comentários