Compartilhe essa Notícia:


O governador Flávio Dino deu posse nesta sexta-feira (15) a quatro secretários de Estado e ao presidente do Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial do Maranhão (Inmeq). De acordo com ele, as mudanças representam “a continuidade do aprimoramento da nossa equipe, uma vez que sempre estamos buscando o melhor. Estamos incorporando várias experiências”. 

Luís Fernando, que era prefeito de São José de Ribamar, assumiu a Secretaria de Estado de Programas Estratégicos (Sepe). “Quero destacar especialmente a incorporação do ex-prefeito Luís Fernando, uma liderança política e administrativa atestada e provada há muitas décadas. Vai engradecer nossa equipe com sua capacidade de trabalho”, disse Flávio Dino.

Como secretário, o ex-prefeito vai ter a missão de levar adiante projetos importantes para o desenvolvimento: “Eu fico muito honrado com o convite e vamos dar o melhor de nós, como sempre fizemos, para colaborar com este grande governo, que a cada dia constrói um Maranhão de todos nós”.

Avanço

Simplício Araújo foi reconduzido à Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc). "Neste segundo momento, temos que avançar destravando o setor produtivo no Maranhão e buscando a geração de mais empregos e adensamento de cadeias produtivas", afirmou.

Enos Ferreira, que estava na Sepe, passou a comandar a Secretaria de Relações Institucionais (SRI): “É uma alegria receber do governador uma nova missão, de fazer a articulação com as organizações da sociedade civil, visando a implementação de projetos que são prioritários para o governo. Estamos com uma vontade muito grande de dar prosseguimento ao que já vem sendo feito e ampliar as ações”. 

Luís Carlos Porto – mais conhecido como Pastor Porto e que estava na SRI – tomou posse na Secretaria de Estado Extraordinária da Região Tocantina. “Nosso papel é reafirmar a presença do compromisso do governo com a região. Nós estaremos lá acompanhando as obras e os serviços, a fim de que a região seja mais beneficiada no dia a dia”, afirmou. 

A presidência do Inmeq agora é de José de Ribamar Mendes. “Nós temos a missão de tornar o Inmeq do Maranhão referência nacional”, disse. 

Sem aumento de cargos

O governador Flávio Dino explicou que a reorganização do secretariado não implicou em nenhum aumento de despesas ou cargos novos. “É uma adequação da equipe para que ela funcione melhor e nós consigamos nosso objetivo de fazer um segundo mandato com mais realizações".

Comentários do Blogger

8 Comentários

  1. Tu tá incorporando e um roubo aos maranhenses, já aumentou o ICMS nos combustíveis de novo!
    Enquanto os outros estados diminuem esse corrupto aumenta!

    ResponderExcluir
  2. Incorpora aí também o asfalto do Povoado Palmeiral pode ser ou tá difícil.

    ResponderExcluir
  3. O asfalto do Povoado Palmeiral também foi promessa desse governador e até o momento nada

    ResponderExcluir
  4. Queremos o asfalto do Povoado Palmeiral já

    ResponderExcluir
  5. O governo federal baixa o preço da gasolina aí vem esse governo com vários impostos e deixa tudo mais caro novamente o povo não é bobo isso nós não vamos aceitar

    ResponderExcluir
  6. Governo de mentiras esse aí

    ResponderExcluir
  7. Chora sarneyada perdida nunca mais pra voces kkkkklkkkkkkk

    ResponderExcluir