Compartilhe essa Notícia:
Foto ilustrativa


Na tarde de hoje (16), a Polícia Civil do Estado do Maranhão, através da 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Unidade de Polícia Judiciária de Esperantinópolis), deu cumprimento a mandado de prisão preventiva exarado em desfavor de F.M.S, em razão da prática de estupro de vulnerável ocorrido de forma contínua ao longo de vários anos. 

A vítima possuía apenas 10 anos de idade quando os abusos sexuais começaram, atos consumados pelo próprio genitor (pai).

Após os procedimentos de praxe, o acusado será encaminhado ao Sistema Prisional de Pedreiras, onde permanecerá à disposição da Justiça.
 



Comentários do Blogger

0 Comentários