Compartilhe essa Notícia:
O SINPROESEMMA, núcleo de Lago dos Rodrigues, vem a público esclarecer algumas notas publicadas pela gestão municipal acerca da decisão judicial que determinou o bloqueio das contas do município. O SINPROESEMMA (Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica, núcleo de Lago dos Rodrigues) esclarece à população que tem trabalhado para combater os desmandos da gestão municipal contra seus servidores, insistindo em atrasar os salários dos trabalhadores em educação mesmo depois de notificado por esta entidade sindical. 

É inadmissível e um desrespeito à nossa categoria e à população de Lago dos Rodrigues que a gestão municipal venha agora nos responsabilizar por sua má gestão que foi incapaz de manter os salários dos Trabalhadores em Educação em dias, direito básico e essencial para quaisquer trabalhadores, bem como deixar de oferecer os serviços básicos à toda a população, como, a coleta de lixo e o abastecimento de água.

 Esclarecemos à população, que esse Sindicato vem trabalhando e sempre trabalhará para o bem coletivo. É de nossa responsabilidade zelar e defender os direitos dos trabalhadores em educação, como é de responsabilidade da gestão pública zelar pelo bem estar de seus munícipes. Por várias vezes o Sindicato se reuniu com a atual gestão a fim de resolver esse impasse, e após várias tentativas frustradas, o Sindicato impetrou ação judicial contra a prefeitura. Foram várias as manifestações e decisões e, por fim, o bloqueio das contas do município.

 O Sindicato vem a público refutar a intenção insana da gestão de querer responsabilizar o Sindicato por seus próprios desmandos mas viemos a público esclarecer que exercendo nosso direito de luta, apenas lançamos mão dos meios legais a fim de fazermos justiça aos nossos servidores que estão sendo lesados pela falta de compromisso da gestão municipal com a educação. 

Reafirmamos aqui o nosso compromisso com a nossa categoria e com a população, em defendermos e salvaguardarmos os direitos que as leis nos garantem, impedindo que, quem quer que seja o gestor, fira ou venha a ferir os direitos dos trabalhadores em educação, a quem representamos. 

Atenciosamente. 

Maria Horas Lima Coordenadora/ presidente do SINPROESEMMA, Núcleo de Lago dos Rodrigues.

Comentários do Blogger

0 Comentários