Compartilhe essa Notícia:

 


Mathy Lemos chega fechando aonde quer que vá e nas redes sociais não é diferente. A maranhense faz sucesso com vídeos icônicos nas redes sociais e a alegria é o que a ajuda a superar os desafios de ser uma mulher trans numa cidade pequena interior do Nordeste.

É cada vídeo muito engraçado que não tem como se segurar com o talento e a espontaneidade da jovem. E essa alegria estampada nos posts não é de hoje, vem de muito cedo.

Eu sempre fui uma pessoa amostrada a vida todinha, sempre estava performando, dançando, cantando“, disse Mathy.

Tem vídeo sobre tudo, desde as dublagens, até encenação, sempre com muito humor.

Mathy apanhou do pai e dos irmãos por causa da sua sexualidade

Mathy se declarou gay aos 15 anos de idade, mas desde criança já tinha identificação com o mundo feminino. “Eu queria ser a mulher, queria ser a enfermeira, a Power Ranger rosa. Qualquer coisa que me remetia ao feminino pra mim era o auge“, conta.

Mas nem sempre a vida de Mathy é povoada de graça. Morando na cidade de Dom Pedro – MA, ela sofreu bastante dentro de casa ao assumir a sua sexualidade. “Tenho muito trauma desse tempo. Eu apanhava em casa pelos meus irmãos e meu pai“, conta.

E foi nesse período que ela se envolveu com o mundo das drogas. “Para sair da zona de tristeza, entrei no mundo das drogas, muita cocaína, álcool, era uma válvula de escape”, relembra.

A virada começou quando alguém lhe falou que ela poderia ser uma mulher trans, que não se identifica com o corpo masculino. “Chegou o momento que eu disse ‘tá tudo errado, eu não sou o Mateus’. Eu não sabia nem o que era ser transConversei com algumas trans e foi só abrindo minha mente, eu fui me conectando comigo mesma”, relata.

De lá para cá, já são seis anos longe das drogas e o sucesso nas redes sociais veio para consolidar a volta por cima.

TikToker cresceu de repente, mas não da noite pro dia

Mathy começou a fazer conteúdos para as redes sociais com grandes pretensões. “Eu tinha 2 mil seguidores, e desde o começo eu coloquei na minha cabeça que estava falando com milhões de seguidores”, disse.

CONTINUE LENDO ABAIXO

E tem mais: “Eu ia na loja, comprava um presente e mandava embalar e dizia: ‘olha o que eu ganhei’, bem atriz, era desse jeito”, confessa sorridente. Maravilhosa né!

Pouco a pouco ela foi crescendo e chegou a mais de 100k no Instagram. “Eu não me imaginava tão grande“, admite.

No TikTok é que a fama foi instantânea. “Eu publiquei dois vídeos e fui dormir e quando acordei tava cheia de notificações e já tinha 5 mil seguidores”, disse.

Vaquinha para a pequena Raíssa que sonha ser bailarina para ajudar sua família a ter uma casa

Hoje já são mais de 700k, só que o sucesso repentino, o resultado não veio da noite pro dia, apesar de parecer.

“Eu tive crises de ansiedade. Eu não estava preparada para receber tantos seguidores de uma vez só, tive crise de pânico, porque não tinha mais controle sobre isso e aquilo me deixou muito mal, mas continuei”, ressaltou.

Mulher trans vestida de noiva
“Seja a mulher que você quiser”. Foto: Reprodução/Instagram: @mathylemoss

Antes de encerrar, Mathy fez uma síntese de tudo o que está vivendo e deixou ensinamentos das lições que aprendeu e que vale para todos. “Eu não me comparo a ninguém, eu sempre me dou o meu tempo. A mulher é o que você quiser, pode ser gorda, magra, alta, careca, seja a mulher que você quiser, independente. É isso o que eu quero pra minha vida, levar alegria para as pessoas porque eu sou assim na vida real”, finalizou.

Comentários do Blogger

0 Comentários