Compartilhe essa Notícia:

Não é surpresa alguma os posicionamentos que o deputado Rigo Teles expõe desde as eleições de 2006 quando decidiu andar em caminhos diferentes trilhados por seu pai, o ex-prefeito de Barra do Corda Nenzin.

Naquela eleição, Rigo Teles bateu de frente com seu pai quando decidiu votar em Jackson Lago para governador, enquanto o restante da família e do próprio grupo se manteve fiel votando em Roseana.
Segundo fontes da cidade Barra do Corda, Rigo Teles sempre  de acordo aos ventos favoráveis. Ele vai na onda da conveniência e fica com quem detém do poder e deixa de lado os bons princípios que o seu pai lhe ensinou, porém, nunca seguiu os conselhos do ex-prefeito.

Roseana foi a pessoa que levou Nenzin, em 1996, a ser prefeito de Barra do Corda. No início da pré-campanha daquele ano, relata o ex-prefeito Elizeu Freitas, Nenzin tinha apenas 7% na pesquisa, enquanto Darci Terceiro era a preferida do povo com 38%.
Foi necessário Elizeu Freitas convidar a então governadora Roseana para pegar no braço de Nenzin, subir no palanque com ele e dizer que era o candidato dela em Barra do Corda. Após isso, Nenzin venceu a disputa e passou a contar com o apoio e amizade da família Sarney em todos os momentos, até mesmo nos angustiantes, lá estavam os Sarneys para livrá-los do pior. Isso ocorreu em 2011 quando em uma Operação da Polícia Federal parte da família era alvo dos agentes. Sarney e Roseana com habilidades em Brasília conseguiram acalmar a tempestade e Nenzin retornou ao cargo.
O deputado Rigo Teles, pelo que apurou o Blog do Carlos Barroso, não detém de confiança perante o eleitorado de Barra do Corda e sempre venceu por lá devido à influência do pai que tomou à frente das últimas cinco campanhas que Teles disputou. A prova é tal verdadeira que após o falecimento de Nenzin, Rigo Teles perdeu a eleição em Barra do Corda para Fernando Pessoa, em uma verdadeira surra de votos.

Em 2016, último comício do grupo Nenzin em Barra do Corda, Roseana compareceu para demonstrar ao grupo sua lealdade, isso após convite de Nenzin. Rigo Teles não participou da caminhada e só subiu no palanque após Roseana descer. Rigo fez isso para tentar agradar Flávio Dino, sendo que o governador era apoiador de Eric Costa, principal rival dos Teles em Barra do Corda
Em conversa com o jornalista Diego Emir em São Luís, Rigo Teles disse que Roseana se afastou de Barra do Corda e perdeu parte dos votos da chamada oposição. Segundo o Blog do Diego Emir em matéria publicada quarta-feira (13) Rigo Teles disse que Flávio Dino trabalhou muito pela cidade e por isso Roseana não é mais nada em Barra do Corda. Quanta ingratidão por parte de Rigo!!

Rigo Teles esqueceu, que em 2014 Flávio Dino venceu Lobão Filho com quase 20 mil votos de maioria em Barra do Corda. Já contra Roseana em 2018, a diferença foi apertada. Flávio Dino caiu de 29 mil votos(2014) para 19 mil votos em 2018. Em segundo lugar veio Roseana com 13 mil votos, Maura Jorge com 4 mil e Roberto Rocha com quase mil votos, mostrando uma pequena diferença de pouco mais de 2 mil votos entre Flávio Dino e os candidatos ao governo da oposição. 
O Blogueiro Carlos Barroso apurou entre deputados na Assembleia Legislativa em São Luís, que Rigo Teles tenta forçar a barra para se aproximar do governador Flávio Dino, mas o comunista sequer deseja aproximação com ele, e até teve esse contato na última semana em Arame e Fernando Falcão, o que deixou Flávio Dino revoltado após deixar as duas cidades, chegando a chamar Rigo Teles de inconveniente e que foi aos eventos sem ser convidado pelo Palácio.

Os eleitores da chamada oposição em Barra do Corda são apoiadores de Roseana, seja em qual for das hipóteses. O eleitorado é conquista dela ao longo dos anos em uma das cidades que sempre deu expressivas votações à família Sarney.
Rigo Teles que não conta com a simpatia de Flávio Dino, que tem mais ódio dele do que o diabo tem da alma de crente, perde agora a simpatia da principal liderança política da oposição Maranhense, a ex-governadora Roseana que detém de um patrimônio eleitoral invejável no Maranhão, inclusive em Barra do Corda.

Pelo visto, Rigo Teles se transforma em definitivo como um pequeno barco à deriva em alto mar.

Comentários do Blogger

0 Comentários