A direção do Hospital Municipal Geral e Maternidade de Pedreiras vem a público esclarecer sobre fato ocorrido em suas dependências na noite deste sábado, 26 de dezembro de 2020. Na data supracitada, um adolescente apresentando crise convulsiva chegou ao Hospital Geral, e após o atendimento o médico plantonista optou por transferi-lo. A equipe viajou com o paciente, porém a ambulância teve problema mecânico na estrada e os mesmos optaram por retornar para tomarem as providências.

A enfermeira de plantão, pediu ajuda à gestão de Trizidela do Vale para fazer o transporte, porém o prefeito Fred Maia, chegou ao Hospital Municipal Geral de Pedreiras fazendo baderna, denegrindo a gestão de Pedreiras e a direção do hospital, proferindo agressão verbal ao corpo funcional da unidade hospitalar.

Após o ocorrido, o gestor Fred Maia fez o empréstimo da ambulância e o paciente seguiu viagem para atendimento.

Esclarecimentos sobre a falta de luvas no Hospital Geral Noticiado em Blog local, a direção do hospital contesta a informação de que foram realizadas três transferências daquela unidade em ambulâncias de Trizidela do Vale, ressaltando que a única transferência realizada nesta data foi a narrada nesta Nota.

Sobre a falta de luvas naquela unidade hospitalar, também noticiada pelo Blog, a direção informa que não procede, acrescentando ainda que há duas semanas foi feito um pedido de medicamentos e insumos hospitalares para atender a demanda até o final desta gestão e ainda abastecer inicialmente a futura gestão de Pedreiras. Ambulâncias.

Em relação às ambulâncias, o Setor de Transportes da Prefeitura de Pedreiras, esclarece que duas que estavam em operação apresentaram problemas no fim de semana que não puderam ser resolvidos imediatamente, desta forma, foi pedida ajuda dos municípios vizinhos, não apenas de Trizidela do Vale, mas também de Bernardo do Mearim e Lima Campos, que são parceiras desta gestão, pelo que agradecemos a presteza. Com vistas às outras três ambulâncias, esclarecemos que estão em manutenção, devendo retornarem aos atendimentos assim que ficarem prontas.

Por fim, a direção do Hospital Municipal Geral e Maternidade de Pedreiras, lamenta os fatos ocorridos, repudia veementemente a atitude grosseira do prefeito de Trizidela do Vale, bem como as informações equivocadas de parte da imprensa local, e alerta que, por trás disso tudo, há algo muito mais valioso, que são as vidas salvas diariamente naquela unidade hospitalar.

Comentários do Blogger

0 Comentários