Compartilhe essa Notícia:

O Banco do Nordeste já contratou, este ano, no âmbito do Plano AgroNordeste, 32 mil operações no Maranhão, somando R$ 147,3 milhões investidos no Estado. Os financiamentos beneficiaram empreendedores do Território Médio Mearim, alcançando todos os portes e atividades econômicas, com prioridade para as cadeias produtivas de bovinocultura de corte e de leite, piscicultura e fruticultura.

Programa lançado em 2019 pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o AgroNordeste atua em 230 municípios, divididos em 14 territórios e com população rural de 1,7 milhão de pessoas. 

Em toda a área de atuação do Banco do Nordeste por meio do AgroNordeste – nove estados da Região e no norte de Minas Gerais, foram realizadas mais de 440 mil operações, correspondentes a R$ 2,8 bilhões aplicados em benefício das cadeias produtivas locais. 

“O apoio às cadeias produtivas potenciais em regiões estratégicas do Estado reflete em benefícios diretos à economia e à população. Por meio da concessão de crédito, estamos fortalecendo as atividades produtivas do Médio Mearim por meio do AgroNordeste, ampliando a eficiência das atividades e gerando melhorias sociais. Até o final do ano, ampliaremos o volume de recursos aplicados na região e em todo o Maranhão”, destacou o superintendente estadual do BNB, Danivan Borges Lacerda.

O Plano AgroNordeste apoia a organização das cadeias agropecuárias de relevância atual ou potencial na Região, buscando ampliar e diversificar os canais de comercialização, com pertinência social, ambiental e econômica. A atuação do Banco do Nordeste acontece beneficiando todos os elos das cadeias produtivas, inclusive fortalecendo os segmentos do agronegócio, infraestrutura, indústria, comércio e serviços.

Além do Médio Mearim maranhense, o AgroNordeste atendeu ainda projetos desenvolvidos nos territórios do Vale do Jaguaribe e Quixeramobim e dos Sertões de Crateús e Inhamuns, no Ceará; do Alto Médio Canindé, no Piauí; do Vale do Açu, no Rio Grande do Norte; do Cariri e Moxotó, na Paraíba; de Araripina, Cariri e Moxotó, em Pernambuco; de Batalha, em Alagoas; de Sergipana do Sertão de São Francisco, em Sergipe; de Irecê e Jacobina, na Bahia; e de Januária e Salinas, em Minas Gerais.

Municípios atendidos

No Maranhão, o Plano AgroNordeste é executado em 20 municípios incluídos no Território Médio Mearim: Bacabal, Bom Lugar, Lago Verde, Olho D’Água das Cunhãs, São Luís Gonzaga do Maranhão, São Mateus do Maranhão, São Raimundo do Doca Bezerra, São Roberto, Bernardo do Mearim, Esperantinópolis, Igarapé Grande, Lago do Junco, Lago dos Rodrigues, Lima Campos, Pedreiras, Poção de Pedras, Trizidela do Vale, Santo Antônio dos Lopes, Pio XII e Satubinha. 

Os empreendedores interessados em acessar financiamentos para impulsionar suas atividades produtivas, podem procurar agências do Banco do Nordeste na região, onde serão orientados sobre as oportunidades de crédito. No Território Médio Mearim, estão disponíveis as agências situadas nas cidades de Bacabal, Barra do Corda, Pedreiras, Presidente Dutra e Santa Inês.

Comentários do Blogger

0 Comentários