Compartilhe essa Notícia:

Corpo dos jovens foi encontrado em mata fechada em Bacabeira — Foto: Divulgação/Polícia Civil
G1-MA

Antônio Coelho Machado, Josean Serra Rego e Cleferson de Jesus Machado Vilaça, acusados pelo crime de homicídio contra uma criança de 11 anos e um adolescente 12 anos, além da tentativa de homicídio contra outros dois jovens, ocorridos em agosto do ano de 2017, em Campo de Peris, na cidade de Bacabeira, são julgados nesta quinta-feira (8) no Fórum de Justiça de Rosário, a 75 km de São Luís.

Segundo a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Maranhão (MP-MA), os acusados, armados com espingardas, revólveres, facão e facas, teriam atacado Roberto da Luz dos Santos, 11, e Erisvan da Silva Costa, 12, praticando o crime de homicídio qualificado por motivo fútil e ocultação de cadáver contra eles.
Criança e adolescente foram encontrados em cova rasa no Campo de Peris no Maranhão.  — Foto: Reprodução/TV Mirante
Além disso, o MP acrescenta que Antônio Coelho, Josean Serra e Cleferson de Jesus ainda teriam tentado matar outras duas vítimas, um adolescente de 15 anos e um jovem de 18.

O caso

Os corpos de Roberto da Luz dos Santos e Erisvan da Silva Costa foram encontrados em uma cova rasa em Campo de Peris, na cidade de Bacabeira, em agosto de 2017.

A criança e o adolescente haviam saído de casa para pescar em um açude. Eles estavam em companhia de outros dois jovens, de 15 e 18 anos, quando foram surpreendidos por um grupo de homens armados com facões e armas de fogo, de acordo com a Delegacia Regional de Rosário.

Os dois adolescentes conseguiram fugir do ataque e foram encontrados por moradores da região caídos e gravemente feridos. O menino de 15 anos estava baleado na boca, e o jovem de 18 anos estava baleado na pena e com vários golpes de facão.

De acordo com os autores do crime, o motivo para os homicídios foi porque eles já estavam cansados de observar furtos de porcos nas proximidades onde o homicídio aconteceu.
Acusados de assassinar uma criança e um adolescente em Bacabeira vão a julgamento no Fórum de Justiça de Rosário — Foto: Laís Rocha/TV Mirante

Comentários do Blogger

0 Comentários