Compartilhe essa Notícia:



O sonho de ganhar uma escola digna está bem perto de se transformar em realidade no município de Esperantinópolis. O primeiro passo foi dado na tarde desta quinta-feira (10), pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Na oportunidade, o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, assinou juntamente com o prefeito de Esperantinópolis, Aluísio Carneiro, a ordem de serviço para a construção de duas escolas dignas, uma no povoado Sumaúma e outra no povoado Centrão.

As obras dão continuidade às ações do Programa Escola Digna e juntas somam investimento da ordem de cerca de R$ 2 milhões. “A nossa grande prioridade hoje no Programa Escola Digna é melhorar cada vez mais a aprendizagem dos nossos estudantes. O governador Flávio Dino entende a infraestrutura como meio importante para se ter uma educação de qualidade, por isso investe tanto na melhoria dos espaços físicos das nossas escolas, e também na formação e qualificação dos professores, para alcançar bons resultados educacionais, para que esses jovens possam ser efetivamente o futuro do nosso Estado”, afirmou o secretário Felipe Camarão.

Segundo o prefeito de Esperantinópolis, Aluísio Carneiro, as escolas serão importantes instrumentos de transformação na educação do município. “Assinamos a ordem de serviço para a construção de duas escolas dignas em nosso município, nos povoados Sumaúma e Centrão, que são comunidades muito carentes. A partir de agora a empresa vai iniciar as obras. Agradeço muito ao Governo do Estado pela parceria e por levar uma infraestrutura digna para melhorar a educação da nossa cidade”, destacou o prefeito, reiterando que as obras representam um anseio de 30 anos.

“As escolas funcionam em prédios antigos que não suprem mais a demanda das comunidades. [Elas] alagam no período chuvoso e os prédios estão deteriorados pela ação do tempo. Agora vão ganhar uma cara nova. Com a nova estrutura, estudantes e professores terão um ambiente adequado para acolher e instruir as crianças para que eles aprendam com melhor conforto”, reiterou.

A obra vai contemplar quatro salas de aula, pátio coberto, banheiros masculino e feminino acessíveis, cozinha e secretaria. A previsão é que a entrega seja feita ainda no primeiro semestre do ano que vem.

Comentários do Blogger

0 Comentários