Denuncie

Afogamento foi causa da morte do Macaxeira em Esperantinópolis, conclui perícia

terça-feira, 12 de março de 2019

Compartilhe esta Notícia

A Polícia Civil de Esperantinópolis concluiu que Antonio Pinto de Mota, de 55 anos, morreu por afogamento. O corpo dele foi encontrado na manhã desta segunda-feira (11), na comunidade de Lagoinha 1. 


Antonio Pinto de Mota o “Macaxeira”, era bastante conhecido em Esperantinópolis. Ele sofria com o problema de dependência alcoólica, mas era tido como uma pessoa pacata, sem inimizades e folclórica da boemia da cidade. Ele costumava procurar abrigo na casa de Chico Jovita. O açude, onde o corpo foi encontrado, fica localizado na fazenda do ex-prefeito. 

Os PM’s que foram chamados para retirar o corpo da água disseram que não havia marcas de violência. Segundo o investigador, a polícia não descarta a hipótese de suicídio.
O velório aconteceu ontem (11), na residencia de familiares na rua Vitorino Freire, logo após seu corpo foi enterrado no cemitério Municipal de Esperantinópolis.
ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

0 comentários :

Postar um comentário