Denuncie

Prefeitura de Poção de Pedras convoca servidores para recadastramento obrigatório; saiba mais

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Compartilhe esta Notícia

O prefeito de Poção de Pedras, Júnior Cascaria, fixou o Decreto Nº 012/2018, pelo qual convoca os servidores públicos do Município para a realização do recadastramento obrigatório com atualização dos dados, que deverá ser empreendido pela Secretaria Municipal de Administração.

De acordo com a portaria, a Administração considera a necessidade de atualização dos dados cadastrais dos servidores ativos, com o propósito de traçar políticas de valorização do servidor público, adequando assim a distribuição dos recursos humanos disponíveis; zelando o interesse público, ao tempo em que resguarda a proteção do Erário por meio do controle de gastos com funcionários.

Outra necessidade se dá, conforme previamente anunciado em blogs (reveja), pelo fato de o Tribunal de Contas do Estado do Maranhão – TCE/MA haver implantado o Sistema Módulo Folha de Pagamento do Sistema Eletrônico de Atos de Pessoal, criando a Instrução Normativa TCE/MA Nº 55, de 06 de junho de 2018, cuja finalidade é aferir o acúmulo de cargo ou desvio de função no âmbito estadual e municipal.

Atenção para a agenda de atendimento


O recadastramento será realizado por uma equipe de atendimento da Secretaria Municipal de Administração, e ocorrerá no Auditório da Secretaria Municipal de Educação, localizada no Alto Brilhante, sendo o processo em caráter pessoal do servidor e impreterivelmente no período de 101112131417181920 e 21 de dezembro, no horário de 8:00 às 16:00 horas.

Quais documentos levar?


O servidor público municipal da Administração Direta deverá apresentar cópias legíveis dos documentos abaixo relacionados, portando consigo os originais:

I - Documento de identidade.
II - Cadastro de Pessoa Física-CPF;
III - Comprovante de residência atualizado;
IV - Portaria de redução de carga horaria;
V - Carteira de habilitação (se o Cargo exigir);
VI - Declaração de acúmulo ou não acúmulo de cargo; (Modelo disponível no local do recadastramento),
VII - Declaração de Local de Trabalho; (Modelo disponível no local do recadastramento).

§1°. A portaria a que se refere o inciso IV somente será necessária se já alcançou o direito, ou seja, se o servidor já a possuir.

§2°. O documento a que se refere o inciso V somente será necessário se o servidor desempenhar as funções de motorista.

Algumas implicações poderão serem ocasionadas como: o não pagamento de salário pela ausência do recadastramento, ou responder criminalmente por falsidade ideológica caso sejam detectados propositalmente informações falsas.

Em anexo, cópias do Decreto





Assecom
ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

0 comentários :

Postar um comentário